ATENÇÃO.

Este blog tem como objetivo divulgar a rotina de treinos, dieta, uso de suplementos e cosméticos indicados por profissionais para Paula Jacques. Maiores informações e sugestões serão disponibilizadas assim que solicitadas. Vale ainda ressaltar que a prescrição de atividade física e dieta, assim como o uso de suplementos e cosméticos deve ser determinada ou revisada pelos profissionais da área. Questione sempre as sugestões com seu Médico, Preparador Físico ou Nutricionista.

sábado, 4 de agosto de 2012

TUDO SOBRE AS GORDURAS PARTE I

Hi dear,

Resolvi escrever uma "trilogia"...hehehe sobre as gorduras, porque vejo que as meninas tem muitas dúvidas sobre a função e a importância das gorduras, tanto no nosso corpo quanto na dieta, então serão elas:
Parte I % de Gordura, vou começar por esse porque é o que mais questionam, 
Parte II O que são e quem são as gorduras e
ParteIII a importância do colesterol, e aqui vai ter um segredinho pra nunca mais esquecer a diferença entre LDL e HDL.

Serão assim separadinhos por partes pra não ficar cansativo, 

Espero que gostem....


PORQUE PRECISO SABER MEU % DE GORDURA?

A medição de gordura corporal é reconhecida como um método mais eficaz de análise da "perda de peso". Quando uma pessoa fala que quer "perder peso", na realidade o que ela quer dizer é que ela quer perder gordura.
O seu percentual de gordura corporal é simplesmente a porcentagem de gordura que o seu corpo tem. Se você tem 80 quilos e 15% de gordura, significa que seu corpo tem 12  quilos de gordura e 68 quilos de massa magra (músculos, órgãos, sangue, e tudo mais).
É importante saber o % de gordura para saber a verdadeira composição corporal, e isso não tem nada a ver com peso, existem pessoas com aparência magra, ou seja, com volume corporal pequeno e peso baixo e tem um % de gordura alto, assim como há pessoas com grande volume corporal, peso alto e baixíssimo % de gordura.


Peso baixo não é sinônimo de pouca gordura.



Essa é a diferença de volume entre 2kg de gordura e 2kg de músculo, imaginem agora a diferença de peso e na qualidade da composição entre as modelos da outra foto.

Quando introduzimos uma dieta equilibrada e uma rotina séria de treinos, teremos uma melhora na composição corporal (diminuição do % de gordura), que pode vir acompanhada de:

Aumento do volume (tamanho) e do peso, quando ganhamos muita massa magra, 

Diminuição do volume e do peso, quando perdemos bastante gordura e ganhamos menos massa magra 

Manutenção do peso e do volume, quando fazemos uma "troca" proporcional de massa gorda por massa magra.

QUAL  O % DE GORDURA IDEAL?

Outro dia me perguntaram qual o % de gordura ideal, bem, isso vai depender da idade, do sexo, e de alguns fatores genéticos, maaas... ♪ para noosaaa alegria , os cientistas já fizeram todas as continhas pra gente..hihihi... observem a tabela que virá a seguir.

 Vamos falar sobre as mulheres, um dos fatores mais importantes é que um % de gordura muito baixo, aquém dos limites mínimos da tabela, é que pode e certamente irá comprometer o equilíbrio hormonal, porque como veremos no TUDO SOBRE AS GORDURAS PARTE II, os hormônios “sobrevivem” de gordura. 

A queda brusca, mesmo que ainda longe do limite mínimo,  nesse % também pode causar algumas alterações hormonais. Em mulheres que sofrem de anorexia grave, por exemplo, há a suspensão da menstruação e esse quadro muitas vezes é irreversível, por outro lado, não é raro que atletas de alto nível, tenham a menstruação suspensa temporariamente devido aos treinos exaustivos mas, como as atletas tem acompanhamento médico e nutricional e principalmente se alimentam muito bem, para elas esse quadro é temporário. Mais uma vez observamos situações similares separadas pela linha saúde/doença.

Quando eu comecei a treinar com determinação eu procurei um endocrinologista e quando fui pela primeira vez no meu Nutri levei todos os exames que pudessem medir minhas taxas hormonais, para sabermos o que tínhamos pela frente, ainda hoje faço regularmente exames normais de sangue para medir colesterol e outras funções e tanto meu Nutri quanto meu Treinador acompanham os resultados.

Vejamos a tabela

CLASSIFICAÇÕES DO PERCENTUAL DE GORDURA NA COMPOSIÇÃO CORPORAL  
  
PERCENTUAL DE GORDURA (G%) PARA HOMENS  

Nível /Idade  
18 - 25  
26 - 35
36 - 45
46 - 55
56 - 65  
Excelente  
   4 a 6 %  
    8 a 11%  
  10 a 14%  
  12 a 16%  
  13 a 18%  
Bom  
 8 a 10%
12 a 15%
16 a 18%
18 a 20%
20 a 21%
Acima da Média  
12 a 13%
16 a 18%
19 a 21%
21 a 23%
22 a 23%
Média
14  a 16%
  18 a 20%  
 21 a 23%
24 a 25%
  24 a 25%  
Abaixo da Média
17 a 20%
 22 a 24%
   24 a 25%  
26 a 27%
  26 a 27%  
Ruim  
20 a 24%
 20 a 24%
   27 a 29%  
28 a 30%
  28 a 30%  
Muito Ruim  
26 a 36%
  28 a 36%  
   30 a 39%  
32 a 38%
32 a 38%
  
PERCENTUAL DE GORDURA (G%) PARA MULHERES

Nível /Idade  
18 - 25  
26 - 35
36 - 45
46 - 55
56 - 65  
Excelente  
  13 a 16%  
  14 a 16%  
  16 a 19%
17 a 21%
   18 a 22%
Bom  
17 a 19%  
  18 a 20%  
  20 a 23%  
      23 a 25%
   24 a 26%  
Acima da Média  
  20 a 22%
  21 a 23%  
  24 a 26%  
      26 a 28%  
   27 a 29%  
Média
  23 a 25%
  24 a 25%  
  27 a 29%  
      29 a 31%
   30 a 32%  
Abaixo da Média
  26 a 28%
  27 a 29%
  30 a 32%
      32 a 34%
   33 a 35%  
Ruim  
  29 a 31%
  31 a 33%
  33 a 36%
      35 a 38%  
   36 a 38%  
Muito Ruim  
  33 a 43%
  36 a 49%
  38 a 48%  
      39 a 50%  
   39 a 49%  

Fonte: Pollock & Wilmore,1993



O QUE É GORDURA LOCALIZADA?

A Gordura localizada consiste em acúmulos de células adiposas (células gordurosas) em maior quantidade em determinadas regiões do corpo, que podem ocorrer mesmo em pessoas com peso ideal. Sua existência e localização (quadril, cintura, barriga) variam conforme a predisposição genética da pessoa e são causadas em função de maus hábitos alimentares e sedentarismo.
Portanto, ter gordura localizada não significa estar gorda ou acima do peso. A pessoa que tem gordura localizada pode ter o peso adequado para sua altura. 
Mais uma vez vemos que o peso não é o fator mais importante quando falamos em composição corporal.

PORQUE COMER A CADA 3 HORAS ESTIMULA A PERDA DE GORDURA?

Como disse o Dr. Dráuzio Varella, “o homem é um animal e seu corpo age por instinto e uma dessas funções é a reserva de energia, o nosso corpo considera a perda de gordura como uma ameaça à sua sobrevivência e vai tomar medidas drásticas para evitar que isso ocorra.”  Porém podemos mudar isso! Como?

Uma dieta regrada com ingesta fracionada várias vezes ao dia, mostra para o seu organismo que ele não precisa armazenar energia (gordura) porque não vai faltar já que você estará o abastecendo a cada 3 horas, o metabolismo então é acelerado, pois o corpo “se sente seguro” para gastar energia à vontade.

Os alimentos que compõe essa dieta são fator decisivo também para os resultados,  ela deve ser orientada por um nutricionista e individualizada.

Essas ações relacionadas à dieta, associadas à uma rotina de treinos que proporcione um gasto energético maior que o fornecido por essa dieta = perda de gordura. F-A-T-O!

Então meninas, podemos agora repensar algumas coisas, saber que o peso não é o único e nem o mais importante fator da sua composição corporal, e que pra quem treina corretamente e segue uma dieta segura uma calça jeans não entrar pode ser motivo de festa.

Beijinhos ♥!


22 comentários:

  1. Muito bom esse post Paula!!! Adorei!
    bjoo

    ResponderExcluir
  2. Adorei!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Muiiiiiito bom!

    Postei o link no meu blog também de tanto que gostei! :))

    Bjks

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ui que delícia, isso mesmo, vamos compartilhar informações! Bjus Vi!

      Excluir
  4. 18 a 20 % pra ser BOM? Oh my god! Tô lascada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que isso Jana...ta lascada nada...já vi tuas fotos e garanto que estás dentro! Bjus!

      Excluir
  5. Adorei, mas tô em busca do meu excelente! Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oxi, então agora fico facinho demais nega, já sabe que é "ele", corre lá e "garra nele"....Vamu-q-vamu Flávia.

      Excluir
  6. Alessandra Castilho5 de agosto de 2012 14:51

    Adorei Paula...você é fantástica!!! Bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Alessandra..."gruda ninóis" e vamu-q-vamu!

      Excluir
  7. Excelente! Esta informação é muito importante, e foi muito útil para mim, que iniciei atividade física há 3 semanas. Emagreci 15 kg ano passado e embora atualmente esteja com o peso ideal, ainda noto 'umas gordurinhas' que me incomodam muito. Ir ao endócrino não havia passado pela minha cabeça e gostei da idéia, creio que irá ajudar. Parabéns Paula pela matéria.Beijos e sucesso sempre linda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossaa...parabéns pela conquista, e pela introdução da atividade física, o Endócrino pode sim esclarecer varias dúvidas com relação ao peso perdido e as consequências disso, e solicitar, como falei antes, os exames pra poderes acompanhar todo a tua parte hormonal, fico muito feliz em te ter aqui...leia também as Partes II e III, serão bem legais!
      obrigada, Beijão, saúde e paz e sucesso a nós!

      Excluir
  8. Muito bom, valeu continue assim linda nos ajudando a chegar aos nossos objetivos com informações valiosas como esta.bju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kátia, vamu-q-vamu! Beijão, lindas são vcs!

      Excluir
  9. ótimo post! estou na média... rsss mas em busca da excelência sempre! bom saber, uma vez li numa materia que o da gisele bundchen era 18% será que ela está precisando perder umas gordurinhas? rsss. Parabéns pelo sucesso! Bjão!
    Nathy.
    http://designmyshape.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom te ter aqui Nathy...Olha a Bundchen eu não sei mas essa daí da foto esta com o % dela lá em cima ah isso tá...hehehe....indo te espiar correndo e seguino!
      Beijão.

      Excluir
  10. Excelente post e esclarecedor como todos os seus posts.

    ResponderExcluir