ATENÇÃO.

Este blog tem como objetivo divulgar a rotina de treinos, dieta, uso de suplementos e cosméticos indicados por profissionais para Paula Jacques. Maiores informações e sugestões serão disponibilizadas assim que solicitadas. Vale ainda ressaltar que a prescrição de atividade física e dieta, assim como o uso de suplementos e cosméticos deve ser determinada ou revisada pelos profissionais da área. Questione sempre as sugestões com seu Médico, Preparador Físico ou Nutricionista.

sábado, 17 de agosto de 2013

CULINARISTA FIT X FIT CHEF


Recebi algumas mensagen inbox perguntando porque não uso a Palavra “Chef”, junto à meu nome.

Vamos ouvir quem entende do “riscado” melhor que eu...e a minha opinião

“Cozinheiro ou "chef"? Afinal de contas, qual a diferença? Qual o termo correto? Com  a glamourização da gastronomia tem acontecido um fenômeno estranho: ninguém mais quer ser cozinheiro, só "chef". Parece que cozinheiro para muitas pessoas quer dizer algo menor, menos prestigioso. Eu mesmo, em muitas situações tenho que me colocar o título "chef", pois quando entrego um cartão ou currículo escrito "Pedro Roxo, cozinheiro", parece que o efeito nunca é o esperado. 
Chef não é um adjetivo e sim um cargo. Ninguém é "chef", uma pessoa ocupa a posição de chef, num determinado momento. Um cozinheiro pode eventualmente ocupar o cargo de chef em sua vida profissional, algo como a diferença entre engenheiro e gerente: o sujeito é um engenheiro e seu cargo naquele momento gerente. Para complicar um pouco mais a questão, dentro da hierarquia da cozinha existem vários "chefes": chef executivo, chef de partida, sous chef, poissonier, saucier e por aí vai (assim como gerente de marketing, de operações, etc)”
Pedro Roxo, Chef da empresa Manja Gastronomia



" Um cozinheiro e um chef são diferentes entidades. Chef é um título. Um chef pode ser bom, ruim ou qualquer coisa; pode ser chef de hotel, restaurante, chef da TV, personal chef, chef da corporação.."Chef" é uma profissão e quando você é um cozinheiro, isto é quem você é, desde a sua espinha até a sua alma. Permeia tudo que você toca. Quando você vê alfaces jovens brotando do solo, tomates, vagens clarinhas de ervilha, todas as moléculas entre seu olhar e aqueles vegetais se carregam com a energia do momento, da paixão pela cozinha."
Eric Ripert, Chef de cozinha do Le Bernardin, um dos melhores restaurantes do mundo, em NY.
Como um outro título qualquer o de Chef, a meu ver, independente de existir ou não uma legislação que regulamente seu uso, deve se recebido, por reconhecimento, merecimento ou formação.



Quando você entra no mercado e se emociona com a beleza dos ingredientes brilhando com sua luz própria e nesse momento as preparações começam a surgir na sua mente. Quando você sente o perfume da alquimia entre os alimentos e se sente renovado. Quando a criatividade é natural e se torna infinita o único limitador é o tempo, a hora, a rotina, que te impedem de continuar. Você tem a maior certeza do mundo, de estar fazendo o que ama, com amor! E pra continuar fazendo e sentindo isso eu só preciso ser eu mesma!

Paula Jacques cozinheira com muito orgulho!


Obrigada pelo carinho!.

2 comentários:

  1. Amore só para avisar que mudei o endereço do blog para flavialobaofit.blogspot.com.br Se der mude na sua lista! Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Oi Flávia bem que eu te procurei e não achei....vou lá sim!! Bjus

    ResponderExcluir